Como funciona a tecnologia capaz de escanear e digitalizar livros sem precisar abri-los

  Fábio Pichler

Livro
Um dos grandes desafios da nossa era é sermos capazes de digitalizar nossa herança cultural analógica - os livros antigos, de valor incalculável, espalhados por bibliotecas históricas do mundo.

A conservação e cópia digital desses materiais é importante não só para garantir que eles estejam disponíveis para as gerações futuras, mas para democratizar o conhecimento que a humanidade construiu ao longo da história e fazê-lo acessível de qualquer lugar do mundo.

É um trabalho difícil: fazer cópias digitais de todas as páginas e transcrever o material nelas demanda tempo, dinheiro e mão-de-obra. Mas um projeto do MIT (Massachussets Institute of Technology) estudou uma solução que promete facilitar muito esse processo.

Publicado em setembro de 2016 no diário científico “Nature Communications”, o estudo desenvolveu uma tecnologia que pode ser capaz de escanear e digitalizar o conteúdo de livros fechados. Continue lendo...

Páginas: 1 2